Fim do horário de verão: 7 dicas para não desandar na rotina

0
1529

O horário de verão chega ao fim na madrugada do próximo domingo (17), em 11 estados brasileiros. Os relógios deverão ser atrasados em uma hora nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Apesar da sensação de ter “uma hora a mais” no dia, a mudança pode não ser tão agradável assim para alguns.

Isso porque, com o atraso no relógio, o organismo pode sentir algumas alterações causadas por hormônios como o cortisol e a melatonina, que regem o nosso relógio biológico e são expelidos de acordo com o tempo de exposição ao sol e à escuridão.Havendo mudanças na excreção desses hormônios, a sensação de sonolência pode ser maior, atrapalhando, inclusive, os estudos.

Veja 7 dicas para ajudar seu corpo a não sentir tanto a mudança de horário e continuar mandando bem nas suas matérias:

1. Esteja preparado

Tente antecipar o seu sono na semana antes do fim do horário de verão em, pelo menos, quinze minuto por dia. Por exemplo, se você está acostumado a dormir às 23h, vá dormir essa noite às 22h45, amanhã às 22h30 e assim por diante.

2. Hora de dormir é hora de dormir

Nada de ficar deitado no escuro com a televisão, o computador ou o celular ligados. Isso porque a luz azul na retina atrasa a produção de melatonina (o hormônio do sono).

3. Manere na alimentação

Adiante também em uma hora a última refeição, que não deve ser pesada e feita no máximo duas horas antes de deitar para não ir dormir com o estômago cheio demais evite ter problemas gástricos, amigo.

4. Xô, café!

Evite alimentos estimulantes ou com cafeína durante a noite, como café ou refrigerante.

5. Cuidado com o desgaste físico

Próximo da hora de dormir, nada de atividades que requerem muito esforço e concentração. Opte por práticas relaxantes, como ioga e meditação.

6. Foca no despertador

Dormindo mais cedo, aproveite para acordar mais cedo também e conseguir organizar melhor seus afazeres do dia. Se você estuda pela manhã, coloque o despertador um pouco mais cedo para não assustar seu relógio biológico. O ideal é ir se acostumando a acordar também 15 minutos mais cedo a cada dia durante essa semana que antecede o fim do horário.

7. Hora do cochilo

Se você tiver oportunidade, tire um cochilo após o almoço de, no máximo, 30 minutos para ter mais energia para enfrentar o restante das atividades do dia. Mas atenção: a soneca não pode ultrapassar a meia hora para não dar aquela sensação de cansaço!

Fonte: Quero Bolsa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here