Mulher é presa após atropelar e matar o marido, em Ituverava

4
20197

Uma mulher de 47 anos, foi presa em flagrante na noite deste sábado (28), após atropelar e matar seu próprio marido após uma briga na rua João Francisco Borges, área Central de Ituverava.

Segundo informações da Polícia Civil, a vítima identificada como Adriano Joaquim Sampaio de 45 anos, morreu após ser atropelada duas vezes pelo veículo de sua esposa após uma briga.

O crime

Em um vídeo ao vivo publicado pela autora após o crime, ela narra que estava sendo ameaçada de morte, e que existia uma medida protetiva contra o autor – de brigas anteriores.

Em boletins de ocorrências registrados no ano de 2019 consta três b.os de briga do casal são eles:

07/01/2019 – a autora procurou a Polícia Civil, após ser agredida e ameaçada de morte pelo marido.

14/03/2019 – a vítima acionou a Polícia Militar, após ser esfaqueado e mordido pela autora

E por fim, no dia 01/07/2019 – a vítima foi presa pela PM, após descumprir a medida protetiva e invadir a casa da autora para proferir várias ameaças contra a vida da esposa.

Veja o vídeo da autora se desabafando e confessando o crime bárbaro que chocou Ituverava:

No vídeo é possível ver a chegada da PM e do socorro. Testemunhas afirmaram aos Policiais Militares, que a autora tinha a intenção de matar o marido. Pois, ela teria atropelado o marido por duas vezes – deixando o carro em cima do cadáver para obstruir o socorro a vítima.

A mulher foi levada para Delegacia, onde prestou depoimentos e foi presa em flagrante baseada nos crimes de embriaguez ao volante e homicídio qualificado. Durante a ocorrência, o Delegado plantonista representou pelo pedido de prisão preventiva da autora. Pois, no seu entender, a conduta da autora é grave.

O caso segue em investigação.

4 COMENTÁRIOS

  1. Ele fez várias ameaças e até agrediu ela, mas é vítima é ele depois que recebeu o que merecia? Tá errada não. Se ela tivesse ficado quieta, quem iria morrer seria ela e o homem agressor estaria solto. CERTÍSSIMA.

  2. É impressão minha ou a forma de vcs darem a notícia é favorecendo o verdadeiro bandido ???
    A chamada devia ser : Mulher movida por medo e agressões físicas atropela marido AGRESSOR ou melhor menos um metido a valentão no mundo ! …
    Ela estava com medida protetiva, p cara adentra sua residência a ameaça, a agride … na respectiva dara era ele ou ela , ela escolheu lutar pela vida dela é a culpada é ela ?
    Isso é inaceitável, é surreal .
    Se tivesse permanecido preso , não teria tido chance de voltar a ameaça-la e agredi-la …a culpa é do ESTADO, a culpa é dele, a culpa é do juiz, não dela …..

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here